Rua Emiliano Ramos, 399 - Sala 01, - Centro, Lages - SC, 88502-215
dúvidas? entre em contato conosco: (49) 3224-5017
Meus Pedidos
Seu carrinho está vazio!

Leia nossas postagens

Categoria: salgados
30 de Outubro de 2018

Você conhece a origem da coxinha?

No texto de hoje vamos conhecer a origem da coxinha. Um dos alimentos mais populares do Brasil e originalmente brasileiro. Será?

Você conhece a origem da coxinha?


A coxinha é um alimento democrática e faz sucesso em todas classes sociais. Pode ser usada como gíria, “rapaz coxinha” é aquele rapaz engomadinho, amigo da patricinha. 
Você pode encontrar a coxinha nas vitrinas de padarias, nos botecos da esquina, nas festinhas de aniversários e em qualquer tipo de comemoração. 
Atualmente, encontramos as coxinhas gourmet, de vários sabores como aipim, queijos finos, requeijão. Você poderá encontrá-las naquele evento mais social, no bares e restaurantes um pouco mais sofisticado também.

Mas, afinal, qual é a origem?


Não podemos afirmar com certeza a origem da coxinha, mas uma história da possível origem foi contada no livro lançado em 2000, Histórias e Receitas – Sabor, tradição, arte, vida e magia, da autora Nadir Cavazin, esse livro foi editado pela Sociedade Pró-memória de Limeira e sua história ficou popular.
Segundo Nadir Cavazin, a coxinha nasceu no século 19, na fazenda Morro Azul, local onde a Princesa Isabel e o seu marido, Conde d’Eu mantinham o filho portador de uma doença mental. A criança apenas comia coxas de galinha frita e nada mais.
Em agradável dia, sem aves para fritar, a cozinheira sem saber o que fazer, teve uma brilhante ideia, inventou um salgado frito com as sobras de galinha que tinha em sua cozinha, na tentativa de enganar o menino e faze-lo comer as sobras de galinha fritas em uma massa.
Essa história foi e é contada na cidade de Limeira durante anos e anos e virou praticamente uma lenda muito conhecida na região. Contudo, alguns estudiosos descordam dela.
Segundo alguns estudiosos da história do Brasil, a Princesa Isabel não teve nenhum filho com problemas mentais, todavia, de fato, a família Real se hospedou nessa fazenda Morro Azul.
Existe também um livro intitulado Cozinheiro Moderno ou nova arte de cozinha, publicado em 1780 pelo francês Lucas Rigaud, que foi cozinheiro da D. Maria I, trisavó da Princesa Isabel. Neste livro há uma receita “coxas de frangas ou galinhas novas” empanadas e fritas, portanto, caindo por terra essa lenda da cozinheira do filho da Princesa.
Ainda, sobre outra possível origem da nossa querida coxinha, em 1844, o chefe Antonin Carême publicou em seu livro L’Art de la cuisine française au XIXème Siècle uma receita de croquete de frango que deveria ser feito em forma de pera. Lembra a nossa coxinha, não?  
Mais recentemente, em 1987, o comerciante Vandecyr Piccolo agregou à famosa coxinha, uma deliciosa e generosa quantidade de Catupiry, além disso, foi esse simpático comerciante que começou a vender suas coxinhas fritas na hora. 
No interior de São Paulo, no distrito de Bueno de Andrada, na cidade de Araraquara, podemos encontrar as famosas coxinhas douradas, que são conhecidas nacionalmente, a partir de uma crônica do escritor Ignácio de Loyola de Brandão. Segundo dizem, essas coxinhas, nos seus variados sabores, são consideradas uma das melhores do Brasil. Vale a pena conferir.

Você sabe fazer coxinhas?


Como estamos falando de coxinhas, nada melhor do que trazermos uma receita desse salgado tão apreciado. Vamos fazer coxinhas!

Ingredientes:


- 4 xícaras de trigo;
- 4 xícaras de leite;
- 1 caldo de galinha,
- 1/2 colher de margarina.

Modo de preparo


- Leve ao fogo o leite, a margarina e o caldo;
- Deixe ferver;
- Despeje de uma só vez o trigo e mexa bem;
- Depois retire da panela e coloque sobre a mesa;
- Sove um pouco e comece a modelar as coxinhas adicionando o frango desviado ao seu gosto,
- Coloque para fritar em óleo quente, espere dourar, retire e sirva.
- Essa receita tem um tempo de preparo de 40 minutos e rende 10 coxinhas.

Gostou de saber sobre as várias origens da coxinha? Testou nossa receita? Nos conte como saiu e se você gostou? Vamos adorar saber!
@docesmakmassas